quinta-feira, 24 de maio de 2012

Louis Vuitton & Kusama

A colaboração de Louis Vuitton e da artista japonesa Yayoi Kusama já tem imagens oficiais.

A dupla, que já colaborouanteriormente, em Londres, agora prepara-se para fazer a próxima exibição em Nova Iorque. Para além da exposição que irá acontecer no Whitney Museum, foram também criados produtos para uma coleção exclusiva que irá ser vendida nas lojas da LV.

Depois do director criativo, Marc Jacobs, já ter encetado uma parceria com a artista em 2006 numa exposição, agora é a vez de esta associação chegar mesmo às lojas, neste verão. Dois dias depois da inauguração, que será no dia 10 de julho, as roupas e acessórios criados estarão à venda: desde trench-coats, pijamas de seda, um colar de pingente e um relógio de pulso, tudo em volta do estilo excêntrico da artista e da elegância da Louis Vuitton estará disponivel em Louis Vuittons selecionadas.





quinta-feira, 17 de maio de 2012

Katie Ermilio


Há pouco tempo descobri uma pérola da Moda. Quem? Nem mais nem menos que a neta do costureiro pessoal da Grace Kelly. Já estão a perceber como é fácil perceber a inspiração histórica, nas peças de Katie Ermilio?

Desde o icónico casaco verde, que o seu avô desenhou para o grande torneio de Augusta, até ao casaco que este desenhou para Eisenhower na Segunda Guerra Mundial, o legado de Katie inspirou não só a sua paixão pela Moda, como as peças que cria, desde os 12 anos.

Aos 26 anos, a bagagem em têxteis e alfaiataria, aprendida na loja de roupa do pai, pô-la em contacto com os princípios fundamentais para a construção de design, propiciando as distintas peças muito femininas, com corte perfeito e suaves drapeados. As suas peças personificam a interpretação moderna do vestir intemporal.

Perseguindo o seu amor pela Moda, mudou-se para Nova Iorque onde fez estágios na revista Vogue, nos departamentos de Moda e publicação, antes de se tornar relações públicas da revista Teen Vogue.
O seu trabalho já foi reconhecido em várias revistas e publicações.

Ora vejam as delícias de Primavera/Verão 2012:




















Festival de Cannes 2012

Começou ontem, 16 de Maio a 65ª edição do Festival de Cannes 2012. O Festival, que decorre até dia 27 de Maio, começou ontem às 8h da manhã com sessão exclusiva de "Rise of the Guardians". Seguiu-se com a sessão do filme de abertura, "Moonrise Kingdom", de Wes Anderson. 
Aqui ficam algumas imagens do primeiro dia.

Diane Kruger foi a protagonista da noite na passadeira vermelha com este vestido de seda vaporosa azul marinho, de Giambattista Valli. A actriz completou o seu look com uns pendentes em prata e brilhantes.

 Tilda Swinton optou por uma saia lápis num vestido estruturado em cobre de Haider Hackermann.


 Jessica Chastain escolheu este vestido com bolsos na barra minimalista rosa, de Alexander McQueen.

Eva Herzigova foi uma das mais sexys da noite, com este vestido rosa pálido com manda 3/4 e aplicações de vidro, de Dolce & Gabbana. A modelo completou o look com um colar de diamantes da Chopard.

Eva Longoria optou por este corpo de sereia Marchesa e cauda muito longa, com aplicações de strass.

Freida Pinto optou pela moda de Angelina Jollie e apareceu com a perna à mostra, num vestido Michael Angelo, com saia de cetim rosa e corpete com decote multicolorida de jóias. A actriz completou a sua roupa com acessórios da Louis Vuitton e brincos Chopard.

Para a parte da noite, Eva Longoria mudou o seu Marchesa para este Alberta Ferretti, com forro nude, renda e detalhe de tule preto.

Jane Fonda provou que pode estar à altura das mais jovens, ao usar este vestido em tom metálico de cobre acabamento de Atelier Versace que marcaram sua figura espetacular. A actriz de 74 anos mudou o projecto original para adicionar uma luz transparente mangas de tule.

Lana del Rey optou por este vestido preto de Alberta Ferretti com detalhes no peito em forma de pico.

Bérénice Béjo inugurou do festival a 65ª edição do Festival de Cannes  anos, no Palais des Festivals a usar um vestido de seda vermelho fantástico assinado por Louis Vuitton com jóias Chopard.


Dolores Chaplin, neta de Charlie Chaplin, optou por um tom dourado da Lanvin que  favoreceu o seu tom de pele.

Para o jantar de gala de abertura oficial do festival, Tilda Swinton optou por um look andrógeno que a caracteriza.


Virginie Ledoyen deslumbrou com um estilo natural, elegante e com drapeados. Ela optou por um vestido verde musgo de Elie Saab com jóias Chopard.

segunda-feira, 7 de maio de 2012

Nova colaboração H&M

Foi anunciada a mais recente colaboração da H&M e, pela primeira vez, o parceiro escolhido não foi um designer, mas sim, uma das mais badaladas fashion victim: a italiana – e editora da Vogue Japão - Anna Dello Russo. A colecção de acessórios chega às lojas no dia 4 de Outubro.

A notícia estoirou ontem como uma bomba nas redes sociais e revistas de moda. De estilo ímpar e absolutamente improvável, Anna Dello Russo traz a sua assinatura a acessórios para as massas. É a primeira vez que a H&M envolve um director de moda num dos seus projectos especiais o que, de certa forma, é um marco neste tipo de colaborações. Até porque este foi um dos segredos mais bem guardados da marca sueca.
Quanto à colecção, é composta apenas por acessórios – uma das imagens de marca da directora de moda, que prima pela excentricidade – numa combinação de excessos e fantasia. As peças de bijuteria apresentam-se sobretudo em dourado com pedras turquesa; há clutches e pulseiras que surgem em forma de cobra e os obrigatórios sapatos de salto alto. Infelizmente, a colecção não privilegiou um dos acessórios favoritos de Dello Russo: as headpieces

Para comprar qualquer peça com a assinatura de Anna Dello Russo vai ter que aguardar até 4 de Outubro, dia em que a H&M disponibiliza a colecção. Em Portugal, como já é habitual, apenas a loja da Rua do Carmo, em Lisboa, receberá os projectos especiais da marca.

Trinta anos de fotos sensuais da Guess

Algumas das mais famosas manequins como Eva Herzigova ou Carla Bruni foram lançadas por esta marca de roupa

Receber uma chamada daquelas era uma rampa de lançamento para o mundo da moda. Eva Herzigova não queria acreditar: do outro lado do telefone diziam-lhe que a Guess queria que ela participasse numa campanha publicitária. Transformaram-na em Marylin Monroe e Ellen von Unwerth fotografou-a a preto e branco em Nova Iorque. De outra vez, posou em favelas do Rio de Janeiro com Naomi Campbell, que nessa ocasião viajou pela primeira vez para o Brasil. Ainda não tão famosa como viria a ser. Cláudia Schiffer, que agora participou na campanha comemorativa da marca, disse à revista WWD que, “ser fotografada para o 30º aniversário da Guess “foi como voltar atrás no tempo”. O seu primeiro trabalho para a marca tinha sido em 1989.

Carla Bruni, hoje mulher do presidente francês Nicolas Sarkozy, tinha apenas 16 anos quando apareceu numa foto publicitária para a mesma marca ao colo de um homem mais velho.
As fotos da Guess fizeram história. Sensualidade, aventura e transgressão. O difícil era ficar indiferente ao poder daquelas imagens, a maioria delas registadas pela lente provocatória de Ellen von Unwerth. Paris Hilton também apareceu nos cartazes da Guess. Line Gost, por exemplo, posou para a objectiva do cantor e fotógrafo Bryan Adams para parecer Sophia Loren nos seus melhores anos.

Para criar um estilo e um espírito associado à roupa da marca, o CEO e director criativo da Guess, Paul Marciano, lançou algumas das mais famosas manequins dos anos 90, ao mesmo tempo que recusava as modelos esqueléticas em voga: “Uma rapariga que pareça demasiado magra e sem saúde não me parece sexy e não encaixa na Guess”, explicou à WWD numa entrevista sobre o trigésimo aniversário da marca que deu notoriedade mundial a modelos que se tornariam mais tarde estrelas globais.










quarta-feira, 2 de maio de 2012

Jelly Bag é a aposta de Louis Vuitton: um must-have desta estação!

Continuado a falar de Louis Vuitton, as formas harmoniosas e cativantes são a aposta da griffe para a coleção primavera / verão 2012. A marca francesa criou uma atmosfera poética, que transpôs também para a coleção de acessórios através de formas icónicas e detalhes sofisticados.

Foi na variação sobre o tema da transparência, e mantendo o espírito suavemente naïf da estação, que Marc Jacobs, diretor criativo da Louis Vuitton, encontrou inspiração para desenhar o novo essencial da estação: a Jelly Bag, uma reinterpretação luxuosa do saco de compras. Feita em pele de vitelo metálica envernizada, que é simultaneamente perfurada e gravada para criar um efeito tridimensional, a nova Jelly Bag é elevada ao estatuto de luxo.

«Queríamos começar com algo um pouco diferente do que tínhamos feito da última vez. Decidimos que queríamos fazer algo muito bonito, muito delicado, e muito terno e encher tudo de cores bonitas e muita luz, texturas luxuriantes, coisas translúcidas e transparentes», explicou Marc Jacobs.

Sem dúvida, a must-have Louis Vuitton desta estação!